domingo, 1 de março de 2015

O que eu estou assistindo?


Realmente eu tenho um problema sério com especiais rs. Acabo sempre deixando de lado, e só agora peguei para assistir o episódio especial do dorama Lucky Seven, estrelado por um timaço de atores que eu adoro.

Lucky Seven Special (2013)

Continuação do dorama Lucky Seven, exibido de janeiro a março de 2012. A série girava em torno de uma equipe de sete detetives particulares que tentam solucionar vários casos difíceis, apesar da falta de união do grupo. O dorama foi muito bem sucedido, com uma classificação média de 15,6% de audiência.


Matsumoto Jun interpreta o novato Tokita Shuntaro. O jovem costuma se envolver emocionalmente com seus clientes, alvos de investigação, acarretando com isso grandes problemas. Já Nitta Teru (Eita) é um cara mais centrado e está sempre em desacordo com seu colega de trabalho. A grande atriz Matsushima Nanako interpreta Fujisaki Touko, a chefe da agência de detetives.


Agora entra em cena um brilhante economista (Oikawa Mitsuhiro) que está por trás de alguns crimes financeiros, e sua secretária encantadora e diabólica (Ishihara Satomi). Tokita tentará se aproximar da secretária para expor a verdade, sem perceber que está sendo atraído por ela, perdendo assim seu foco. E novamente um dos destaques da série é o ‘bromance’ entre Matsumoto e Eita, proporcionando várias situações cômicas.

Healer (2014/2015)

Sim, Healer tomou a blogosfera nesses últimos meses, invadiu as minhas redes sociais e agora é inevitável não falar desse k-drama aqui no blog. A resenha a seguir contém spoilers. 


Apesar de não trazer nada inovador em relação aos dramas do gênero, Healer consegue te prender do início ao fim. Nosso herói é um tipo de Clark Kent que se disfarça como um vigilante mascarado, escondendo sua verdadeira identidade da garota que ele ama. E sem dúvida, o maior encanto da série vem da escolha do casal principal surpreendentemente atraente. O talentoso ator Ji Chang Wook e a encantadora atriz Park Min Young ficam tão bem juntos que é impossível não torcer para que seus personagens se acertem logo.

Depois de ter sido abandonado pela maioria das pessoas em sua vida, Seo Jung Hoo (Ji Chang Wook) se isola de tudo e de todos. Seu pai morreu quando ele era garoto, acaba indo parar em um reformatório e depois encontrar-se sozinho quando sua avó falece e sua mãe volta a se casar. Então o Professor (Oh Kwang Rok) o leva sob suas asas e o treina. Quando Jung Hoo cresce e finalmente começa a se abrir, ele é abandonado de novo. Por isso, o rapaz prefere não estabelecer laços afetivos com ninguém e ganha a vida trabalhando como o mensageiro da noite Healer.


Healer é um homem misterioso que tem como profissão fazer todos os tipos de serviço em troca de dinheiro, utilizando as mais modernas tecnologias, sem que precise matar ninguém. Ele trabalha com uma hacker, conhecida como Ahjumma (Kim Mi Kyung), que ele não conhece pessoalmente e que lhe passa todas as informações necessárias para concluir o serviço, seja por celular ou por um ponto que ele usa no ouvido. O sonho de Healer é comprar uma ilha no sul do Oceano Pacífico e viver por lá sozinho.

Só então ele conhece Chae Young Shin (Park Min Young), uma repórter alegre que entra em sua vida de uma forma inesperada. Young Shin também passou por momentos dolorosos, e a descoberta de seu passado será ainda mais devastadora para ela. No entanto, diferentemente de Jung Hoo, a garota mantém uma visão positiva da vida e não tem medo de se aproximar das pessoas. O jeito como ela aceita Jung Hoo (que se apresenta para ela como o medroso Park Bong Soo) é tão reconfortante, especialmente porque sabemos o que isso significa para ele.


Além de um casal principal convincente, o drama também apresenta outros personagens interessantes como Kim Moon Ho (Yoo Ji Tae). Ele é um repórter bem-sucedido de uma famosa agência de notícias que você mantém um pé atrás, pois você não sabe como ele irá agir ou em qual time ele irá jogar na próxima rodada. Ele se infiltra numa agência pouco conhecida para desvendar um mistério do passado. Inicialmente, ele contrata Healer para encontrar uma garota desaparecida (Young Shin), sem saber que seus destinos já estão entrelaçados. 

Moon Ho quer proteger Young Shin e ajudá-la a se reunir com sua mãe verdadeira. Impulsionado por uma intensa culpa, ele travará uma briga com seu próprio irmão, Kim Moon Shik (Park Sang Won), casado com a mãe biológica de Young Shin. No passado, Moon Shik traiu seus amigos e mentiu sobre Young Shin. Os flashbacks que envolvem o Ancião sugerem que ele não planejou o assassinato de seu próprio amigo, mas é difícil dizer se ele sente alguma culpa ou remorso por traí-los, só para assegurar seu futuro.


Se você ficou interessado pela trama, assista Heiler sem hesitação. E corre para ouvir a trilha sonora do drama que é muito bom! Bem leitores, com isso eu encerro o post. Fevereiro passou voando e infelizmente não consegui assistir tudo que eu tinha planejado. 

5 comentários:

  1. Healer já baixei mas ainda não consegui assistir... mas quero ver se ainda essa semana eu começo... ainda não vi um comentário ruim sobre este drama!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra quem gosta de ação e romance, Healer é um prato cheio! No início você fica meio confuso, mas logo começa a entender toda a trama e quando percebe, está triste porque terminou.

      Excluir
  2. Lucky Seven ♥____♥

    Ai ai Jun ♥
    Amo seus trabalhos e em Lucky Seven ele tá uma graça (tá com seu cabelo do meu jeito favorito ^^). Será sempre meu ichiban no Arashi e na vida, esse lindo! kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Caca em qual site posso assistir esse kdrama legendado em portugues?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daniel, tem no Meteor Dramas (www.meteordramas.com.br)

      Excluir